Neurolinguística, o perigo espiritual da PNL

Cérebro Humano. Fonte: Wikipedia
Cérebro Humano. Fonte: Wikipedia

A programação neurolinguística tem sido objeto de estudo nas universidades, especialmente nas áreas de administração e comunicação a nível de pós-graduação. A PNL representa um perigo espiritual, pois seu objetivo é mudar crenças, especialmente a crença na Bíblia Sagrada.

PNL contra o cristianismo

Basta uma pesquisa rápida no Youtube e você encontrará diversos místicos criticando a fé bíblica e defendendo a PNL como eliminadora de “crenças limitadoras”. A principio tais crenças poderiam ser de qualquer tipo, mas avançando na percepção dos discursos observa-se uma oposição notória ao cristianismo.

As ideias cristãs de humildade e submissão costumam ser entendidas como crenças limitadoras. A própria noção de pecado é atacada como crença limitadora por adeptos da PNL, geralmente abordando o Gênesis totalmente fora de contexto.

PNL – Analogia cérebro-computador

Embora o pessoal da PNL não faça uma analogia computacional direta com seus conceitos e métodos, penso que tal analogia é muito útil para entender o perigo espiritual da PNL. Geralmente a analogia computacional restringe-se à programação da mente, mas vai muito além disso.

A PNL entende que deve reprogramar as crenças e valores do individuo para fins práticos. Não interessa a eles o que é espiritual, mas apenas a praticidade da coisa. Existem muitas coisas práticas que levam ao inferno. Por exemplo, resolver um problema crítico com um crime pode até ser o mais prático, mas de fato é completamente errado, logo a desculpa da praticidade é uma faca de dois gumes.

PNL explicada

Fazendo nossa analogia com o computador, podemos dizer que para a PNL o cérebro é programado pela educação que recebemos de nossos pais, mas essa educação pode gerar “crenças limitadoras” especialmente, para eles, de caráter cristão.

Se formos seguir o raciocínio normal da PNL os cinco sentidos (visão, audição, tato, olfato e paladar) são os dispositivos de captura de dados brutos como um scanner ou microfone por exemplo. Esses dados brutos são processados em nosso cérebro por áreas especializadas que equivaleriam às placas de som e de vídeo de um computador.

Essa captura, entretanto é mediada pela emoção que associa sentimentos de prazer ou de dor a esses dados gerando percepções do mundo.

Essas percepções, por sua vez, encontrarão as crenças, princípios e valores que justificarão as percepções sob um ponto de vista específico. Esse ponto de vista específico gera uma visão sistêmica do mundo, como nosso sistema operacional.

As reações a esses estímulos são gravadas como aplicativos de computador que respondem sempre da mesma maneira. Estes são os comportamentos humanos adequados a cada situação.

A PNL entende que para mudar um comportamento é necessário mudar a crença, a fé que um individuo tem em seus valores e princípios. Quando o individuo muda essas crenças gerando mais alternativas ele encontra forma de se sair bem na vida.

PNL e vírus de computador

Entretanto existe um problema que a PNL não conta. Se levarmos adiante essa analogia computacional, precisamos saber que para o computador existe apenas falso e verdadeiro, assim como para as pessoas, obviamente.

As nossas crenças estabelecem o falso e o verdadeiro determinando um comportamento adequado ao que é verdadeiro. Considerando, que nossa mente é programada, como diz a própria PNL, há vários momentos de decisão entre certo e errado, entre falso e verdadeiro para que o sistema funcione adequadamente.

Quando a PNL, utilizada na comunicação, destrói uma crença ela cria um problema lógico em nosso sistema mental. A disciplina da lógica nos ensina que só existe o falso e o verdadeiro e não existe uma terceira opção. Quando a PNL destrói uma crença ela impõe a terceira opção.

PNL para lavagem cerebral em massa

Um exemplo do uso desse conceito na mídia que realiza lavagem cerebral no povo é o seguinte:

Para o povo, em sua esmagadora maioria, só existe o sexo masculino e feminino bem definidos. Num esforço conjunto, mídia e partidos políticos criam uma “coluna do meio” ou alguma coisa invertida em termos sexuais. Logo contraexemplos à crença do povo começam a aparecer na televisão e outros meios.

Os contraexemplos são uma forma artificial de criar uma realidade alternativa, pois são exemplos que contrariam a fé das pessoas. Mesmo que você seja heterossexual convicto vai acabar aceitando a ideia da promiscuidade sexual, pois os contraexemplos colocaram seu senso crítico em colapso.

Pior ainda, este senso critico em colapso está aberto a uma resolução, pois a tendência do cérebro e resolver o problema, mas não encontra uma resposta adequada. Portanto, para concluir a lavagem cerebral é usado o entretenimento com sobrecarga dos cinco sentidos humanos.

O funk carioca é um bom exemplo dessa lavagem cerebral, especialmente o funk proibidão. Quando nosso cérebro está em crise quanto a uma definição de cunho tão importante como a da sexualidade, citada acima, deixamos algumas aberturas em nosso sistema mental que se abre para um vírus mental que utilizará a brecha aberta no sistema no momento de baixa na segurança.

PNL – vírus oportunista

Um dos momentos em que baixamos a segurança é durante a diversão. Obviamente, crentes não procuram bailes funk, mas de modo geral, as pessoas procuram lugares assim ou são submetidas a estas coisas pela mídia ou mesmo pelo carro de som que invade sua casa com tais porcarias.

Quando estamos em casa também estamos com a guarda baixa pela proteção do lar, portanto, os vírus de sistema podem nos atacar facilmente.

Neste ponto é que entra a brecha aberta em nosso sistema de crenças. Estando com a guarda baixa, com o sistema de crenças instável, informações são passadas aos sentidos com grande intensidade seja no brilho das luzes ou no volume do som. Estas informações passam a ocupar o espaço instável da programação de nosso sistema de crenças e gradativamente vamos aceitando todo tipo de sugestão que nos é imposta pela política e pela mídia.

PNL e apostasia da igreja

Tudo isso com base na supressão ou mudança de crenças utilizada pela PNL. Muitos crentes estão apostatando da fé, por aceitarem lavagem cerebral como se fosse algo natural. Muitos pastores já usam isso até no púlpito. Muitos momento de “louvor” são verdadeiras parafernálias de barulho que sobrecarrega nossos sentidos e não restauram o equilíbrio de nossas crenças, ao contrário, fortalecem ainda mais a dissonância necessária à implantação da apostasia em nossas mentes.

Precisamos saber que a Bíblia Sagrada não foi feita para ser agradável à maioria. Muitos são os chamados, mas poucos os escolhidos. Vivamos uma fé que defenda os valores bíblicos acima de qualquer coisa. Não nos sujeitemos à lavagem cerebral mundana sob nossas famílias, pois do contrário estaremos caminhando para a apostasia e o inferno é o destino final de todo apóstata.

Sobre Marco Teles 182 Artigos
Formado em Teologia e Pedagogia, pós-graduado em Ensino Religioso, Neurociência Pedagógica, Comunicação e Oratória. Praticamente um "coxinha fundamentalista". Educador Religioso da Igreja Batista em Icaraí, Terceira Igreja Batista em Trindade e Diretor do Ministério Infanto Juvenil na Primeira Igreja Batista de Niterói, não exatamente nesta ordem e tempo. Meu princípio básico é servir a Deus, mesmo de forma incompreensível ao homem mundano, pois não existe comunhão da luz com as trevas. Por isso mesmo continuo pregando o Evangelho, para trazer mais pessoas à comunhão com Deus.

14 Comentários em Neurolinguística, o perigo espiritual da PNL

  1. Pelo amor de Deus, não fale irresponsavelmente daquilo que você não conhece! Sou Católico e sirvo há mais de 5 anos na Comunidade Servos por Amor em Fortaleza! Fui do Shalom durante 3 anos e minha vida espiritual ficou ainda mais intensa depois que me formei como Practitioner em PNL e depois como Master Practitioner em PNL!
    A PNL JAMAIS mexerá nos Valores, pois ela entende que os Valores são dados por Deus, cada um tem os seus! Pelo contrário, a PNL ajuda ao indivíduo buscar metas que estejam exatamente condizentes aos seus valores, para que assim ele possa fazer melhores escolhas!
    Quanto ao Poder da PNL você está certíssimo, e, por isso as pessoas de BEM precisam conhecê-la para que ela seja utilizada para o bem!
    Maus profissionais infelizmente estão em todos os tipos de funções (médicos, advogados, engenheiros, vendedores, etc).
    Uma simples FACA pode salvar uma vida, ela corta o pão, descasca uma fruta, pode ser usada para desparafusar algo…mas também pode ser usada para matar alguém! E aí te faço uma pergunta: É a faca que é ruim, ou quem vai utilizá-la?
    Amigo retire esse texto sem nexo e totalmente sem embasamentos religioso! Apenas para dar a própria opinião, no mínimo de uma pessoa frustrada e doente!
    Que Deus nos livre de “religiosos” insensatos como você!
    Que você possa ter um verdadeiro encontro com Deus um dia, pois o que percebemos é apenas uma pessoa seca, sem amor e cheio de preconceitos! Deus te cure! Amém!

    • Sua religião é a PNL como se vê na sua exposição. Seu próprio discurso comprova que PNL é heresia. Talvez você vá procurar uma sessãozinha para tentar melhorar os discurso, mas eu recomendo que aceite a Jesus que é a única solução para sua vida.

    • Você está nervoso pois talvez ganhe a vida com PNL, afinal você é um Master Practioner em PNL. Você é católico, então é normal que considere práticas que mexem com o inconsciente aceitáveis, pois católicos são sincretistas e afeitos a misticismos. Evangélicos não são assim. Você está furioso, pois estou mostrando a verdade da PNL que tem levado várias pessoas à arrogância dentro das igrejas. Os verdadeiros evangélicos não se deixam levar por esse tipo de CAMINHO FÁCIL. Nós seguimos o caminho pedregoso, mas que levará a Cristo.

  2. eu estava interessado em fazer um curso de pnl mas sempre tive duvidas, DA relação da pnl com a palavra de Deus,decidi não fazer , vou procurar algo dentro da biblia que me motive e ajude eu conseguir meus resultados atraves das bençõs de DEUS, COMO POR EXEMPLO O LIVRO DE PROVERBIOS, ONDE SALOMÃO ENSINA MUITAS COISAS.. OBRIGADO PELO ARTIGO FIQUE COM dEUS

  3. Eu me converti depois de um treinamento de PNL…
    Percebi durante o curso que precisava cuidar da parte espiritual.
    Respeitosamente Marco, penso que deveria mesmo conhecer pra depois fazer juízo de valor!
    Nos cremos no mal (ou inferno – como teólogo você deve saber que este termo é equivocado) descrito na Bíblia, porque para o cristão a Bíblia é regra de fé.
    Precisamos parar de demonizar tudo e questionar o que não conhecemos.
    Há um mundo para evangelizar, você pode usar seu conhecimento pra isso! Uma dica, a PNL pode ajudar na melhor recepção por parte de nossos ouvintes sobre o que queremos ensinar.
    Mais uma coisinha, Jesus usava muitas técnicas de PNL em suas ações e discursos!

    • Conheço a PNL, estudei algo sobre isso a nível de pós-graduação, portanto, não existe esse desconhecimento que você imagina.
      A PNL tem apenas compromisso com resultados de “excelência”, mas o verdadeiro cristianismo não se preocupa com isso. O verdadeiro cristão aprende sofrendo e vencendo a falta de “excelência” na vida. Uma vida onde os resultados “excelentes” são fruto apenas de uma técnica e não de amadurecimento real e verdadeiro não é vivida no estilo de Cristo.

      • Meu amigo posso afirma que vc não conhece NADA de PNL…sou Master Practitioner em PNL e minha vida espiritual só fez melhorar! Peça a Deus a sua cura que é melhor! De “religiosos” como vc a Igreja quer é distância! Pessoas como vc apenas afastam fiéis da Igreja! Preconceituoso, cheio de vícios, mente fechada, cheio de traumas, tudo o que Jesus não quer em um Cristão! Apaga esse post infeliz meu amigo! Você talvez nunca tenha dado uma mancada tão grande em toda a sua vida! Deus te cure!

        • Puxa! Você é “tão superior” que a única coisa capaz de fazer com seu diploma é ofender. É para isso que serve a PNL: para criar orgulhosos que não enxergam o caminho para o inferno em que caminham.

    • A Palavra de Deus é viva, eficaz e suficiente. A pregação verdadeira do Evangelho não precisa de recursos da PNL. Se você reconheceu que precisava de cuidar da parte espiritual após uma sessão de PNL isso não significa nada, pois Deus usou até a jumenta de Balaão. Conheço pessoas que reconheceram que precisavam de Jesus após acordar de um porre de cachaça e nem por isso vou aconselhar as pessoas ao alcoolismo. Seu argumento não se sustenta. Afaste-se da PNL e não leve essa heresia para sua igreja.

  4. Sou Cristã…evangélica e discordo completamente com esse artigo ou página.
    Já li muito sobre a PNL e ainda não achei nada que abonasse a conduta cristã. Tem pessoas que precisam de ajuda assim como precisamos de médicos para nos tratar. A PNL é uma metodologia…muito eficaz.
    De maneira alguma eu ponho os meus conheçinentos e habilidades acima de Jesus…jamais!
    Deus acima de todas as coisas…e por ele e pra ele tudo que existe!

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*